Tuesday, October 19, 2004

Onde habitam os amigos?

Onde habitam os amigos?


Damos o mérito da amizade para aquelas pessoas que se mostram presentes, companheiras, cúmplices, prestativas. Mas existem aquelas que nem sempre estão presentes, nem sempre mandam notícias, nem sempre...Mas emprestam-nos os ombros mesmo à distância. Muitas vezes até em pensamento e que no fundo sabemos que ele existe e que tem um lugar especial reservado no coração.

Às vezes me pego a pensar naqueles amigos que algum dia disse-me ou fez algo que mudasse o rumo da minha vida. Penso em como eles estão agora separados por quilômetros de terra, asfalto ou uma infinidade de pegadas. Muitos estão registrados em fotos, outros em cartas antigas, alguns me vêm em sonho, outros em pensamento e suas imagens passam em minha mente como orações para que estejam bem. A minha gratidão e, sobretudo o meu desejo de falar-lhes o quão importantes são.

Mas onde realmente habitam os amigos?Onde são suas moradas?Qual o endereço certo daqueles que já se foram, dos andarilhos ou até dos que cruzam o nosso caminho apenas uma vez na vida e que jamais os esquecemos.

Falaram-me de uma nova maneira de encontrá-los, os novos, os velhos, os perdidos, os sem endereço, os fieis amigos. Uma casa da nova era, que a tecnologia inventou para suprir os nossos desejos modernos. O chamado Orkut.

Bati na porta e de fato encontrei, depois do estrangeirismo, algumas figuras do coração. “Fico feliz em te encontrar aqui, bem vinda, agora podemos nos ver sempre”, alguém me disse e eu respondi com o mesmo fervor e alegria.

Dúvidas então surgiram se esse era realmente o lar, na ânsia de saber a resposta, fui pesquisar seus paradeiros, mas não encontrei seus rostos, nem suas identidades. Se o Orkut é realmente o habitat deles, onde estão aqueles que encontro apenas no lado esquerdo do peito?



Emiriene Costa

0 Comments:

Post a Comment

<< Home